• Federação Catarinense de Pádel

Nota Oficial de 30/01/2020

COMUNICADO OFICIAL


Após a divulgação do calendário final houveram diversas manifestações em nosso grupo, algumas positivas outras negativas. Visto a repercussão achamos necessário fazer um comunicado explicando a decisão da Federação.

Antes de mais nada é importante frisar que todos que trabalham para a Federação o fazem pelo amor ao esporte. Nenhum membro da diretoria ganha qualquer valor pelo trabalho feito. Desde o início da nossa gestão sempre tentamos fazer o melhor para divulgar o esporte e tentar melhorar as condições dos torneios em prol dos jogadores. Em todas as tomadas de decisões vão existir pessoas e/ou clubes que se sentirão prejudicados, isso sempre foi, é e sempre será assim. Queremos deixar claro que temos poucas etapas no ano e com o grande crescimento de nosso esporte fica cada vez mais difícil definir as poucas sedes, por isso existem as etapas satélites que nossos parceiros podem organizar.

Temos muito orgulho do trabalho realizado durante essa gestão. A Federação organizou torneios com os melhores jogadores e jogadoras de todo o país, distribuiu premiações e brindes como nunca antes na FCP, organizamos etapas com número recorde de participantes e, na grande maioria das vezes, tivemos o feedback muito positivo tanto de clubes quanto de atletas.

Sobre as etapas desse ano queremos manifestar alguns dos motivos que a FCP resolveu fazer as etapas no litoral, seguem alguns dados de torneios anteriores para o conhecimento de todos, referente a adesão das cidades:


2018

1ª Etapa - Balneário Camboriú - 134 duplas

2ª Etapa - Tubarão - 75 duplas

3ª Etapa - Balneário Camboriú - 122 duplas

4ª Etapa - Joinville - 105 duplas


2019

1ª Etapa - Balneário Camboriú - 167 duplas

2ª Etapa - Tubarão - 70 duplas

3ª Etapa - Itajaí - 160 duplas

4ª Etapa - Videira - 70 duplas (limite atingido)

5ª Etapa - Joinville - 151 duplas


Em 2019 Tubarão teve menos da metade das duplas inscritas em relação às outras etapas (sem contar Videira que estourou o limite que a etapa poderia comportar).

Para o ano de 2020, nossa ideia foi de organizar os torneios em locais que pudessem comportar pelo menos 100 duplas (visto o grande aumento de atletas interessados em participar).

Tivemos outras cidades que tiveram interesse em sediar uma etapa do estadual, como Florianópolis com 6 quadras, porém sendo 3 abertas e com clubes relativamente distantes um dos outros. Com isso, não acreditamos que conseguiríamos organizar um torneio legal e de qualidade. Mafra também demonstrou interesse para ser a sede, porém pelo motivo de quantidade de duplas mínimas, que é de 3 quadras, não seria possível.

Foi uma decisão muito difícil de ser tomada, porém a baixa adesão dos atletas na etapa de Tubarão nos últimos anos nos fez chegar a esta decisão. Esperamos que a cidade volte a ter a força que sempre teve no estado para que possamos ter uma etapa novamente no futuro nessa cidade. Também esperamos que nós próximos anos mais cidades no nosso estado consigam estrutura para sediar nossos estaduais.

A Federação está sempre a disposição para esclarecimentos e procurando pessoas que tenham interesse em botar a mão na massa e ajudar, não somente criticar. Enquanto tivermos mais pessoas ajudando e remando para o mesmo lado nosso esporte continuará a crescer.



_______________________________________

Presidente Leonardo Daronch da Costa

FEDERAÇÃO CATARINENSE DE PADEL

Balneário Camboriú, 30 de janeiro de 2020

7 visualizações

Federação Catarinense de Pádel

CNPJ: 00.070.931/0001-66

Balneário Camboriú/SC

Telefone: (47) 99116-0707

contato@fcp.esp.br

© 2017 por VS Web Solutions

  • Instagram FCP
  • Facebook FCP